Agrupamento de Escolas Dr. José Leite de Vasconcelos

  A educar desde 1977

Em destaque

Ação Social Escolar

Informam-se todos os alunos e Encarregados de Educação que, entre 23 maio e 9 de junho de 2022, se encontra aberto o período de candidatura à ação social escolar para o ano letivo 2022/2023, referente aos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e ensino secundário. As candidaturas deverão ser enviadas, acompanhadas pelos documentos abaixo mencionados, para o email dos Serviços de Administração Escolar - Ação Social Escolar: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Documentos a entregar:

  1. Requerimento do encarregado de educação de candidatura aos auxílios económicos;
  2. Fotocópia do IBAN (conta à ordem) do(a) aluno(a) ou do(a) encarregado(a) de educação;
  3. Documento emitido pelo serviço competente da Segurança Social, devidamente validado ou, quando se trate de trabalhador da Administração Pública, pelo serviço processador, do qual conste o nome e o escalão de atribuição de abono de família do(a) aluno(a), referente ao ano letivo 2022/2023;
  4. Declaração passada pelo Centro de Emprego, no caso de o pai e/ou a mãe se encontrar(em) desempregado(s) há mais de três meses e lhe seja atribuído o 2.º escalão do abono de família.
  5. Os processos de candidatura cuja documentação se apresente incompleta ou incorretamente preenchida, não procedem para apreciação e despacho.

Tarouca, 23 de maio de 2022.

O Diretor,
(Eduardo da Costa Almeida)

Anexos:
FicheiroTamanho do ficheiroDownloads
Boletim de Candidatura204 kB135

Moodle

Plataforma Moodle do Agrupamento

Suporte

Plataforma de suporte ao Agrupamento

Webmail

Plataforma de acesso ao Office365

Giae Online

Gestão Integrada para Administração Escolar

Wi-Fi

Configurações de acesso à rede local

Pesquisa

Ferramenta de pesquisa de conteúdos

O “Desafio do Mês” é um concurso, destinado a alunos do 2.º Ciclo do Ensino Básico.

Desafio do Mês

Projeto que contribui para a aquisição sólida de competências dos alunos.

PES

O Erasmus+ contribui para a excelência do ensino e formação na União Europeia.

Erasmus+

Informações sobre os exames/provas a realizar no presente ano letivo.

Exames 2022

Projeto de autonomia e flexibilidade curricular dos ensinos básico e secundário.

AFC

Vida e Obra

José Leite de Vasconcelos Pereira de Melo nasceu a 7 de Julho de 1858, em Ucanha, na altura pertencente ao concelho de Mondim da Beira e actualmente integrada no de Tarouca. Os seus pais são os fidalgos, primos co-irmãos, José Leite Cardoso Pereira de Melo e D. Maria Henriqueta Leite de Vasconcelos Pereira de Melo.

Depois de viver três anos e meio em Ucanha muda-se para Mondim da Beira. Entre esta povoação e S. João de Tarouca é feita a instrução primária onde aprende, também, latim e contacta pela primeira vez com os grandes autores clássicos portugueses. A sua educação foi sempre acompanhada de perto por sua mãe.

Ao afastá-lo das brincadeiras com as outras crianças da sua idade terá  desenvolvido no filho um espírito melancólico. A leitura e a escrita tornaram-se assim, as actividades preferidas deste jovem, nas quais se empenhava de alma e coração. Pelo facto de a fortuna familiar ter diminuído a olhos vistos fez com que não continuasse os estudos. Foi então que, apoiado pelo seu tio António, deixou Mondim e seguiu para o Porto, onde teve que trabalhar para prosseguir estudos e auxiliar os seus pais.

Desempenha então tarefas de amanuense de secretaria, de redactor de certidões e de professor ao domicílio. Assim, acumula e assegura com o trabalho a continuação dos estudos, em três anos tira o curso do liceu no Colégio de S. Carlos, depois, em dois anos, o de Ciências Naturais na Academia Politécnica do Porto.

Em 1886 forma-se em Medicina tendo sido o mais distinto dos alunos que findaram o curso durante esse ano o que lhe valeu o prémio Macedo Pinto. Exerce Medicina durante cerca de seis meses, mas a sua paixão eram as letras, em 1887 é nomeado Conservador da Biblioteca Nacional; em 1911 é nomeado professor da Universidade de Letras de Lisboa; frequenta os cursos de Filologia e Arqueologia na Sorbonne e no Colégio de França, durante três anos.

No amor não foi feliz. Aos trinta anos apaixonou-se pela sua prima D. Matilde Brandão com quem viria a contrair matrimónio em Setembro, mas esta viria a adoeceu e o que parecia um mal passageiro, de simples cura, redundou na sua morte. A separação e mais tarde a morte de seus pais contribuíram para uma vida de isolamento, melancolia e sonho. Muito sonhou, tanto, que a sua vida inteira dedicada ao trabalho da investigação não chegou para terminar todas as obras que tinha projectado e para que tinha reunido materiais.

José Leite de Vasconcelos faleceu na manhã do dia dezassete de Maio de 1941, muito debilitado pela doença e muito cansado intelectualmente, após uma broncopneumonia. Junto dele encontrava-se um seu discípulo, o Professor Doutor Viegas Guerreiro. Foi sepultado entre os túmulos de seus pais.

3.jpgsede_20100516_1924510682.jpgsede_20100516_2011994367.jpg1.jpgsede_20100516_1843703752.jpgsede_20100516_1872039503.jpgsede_20100516_1621921323.jpgsede_20100516_2046212402.jpgsede_20100516_1383787961.jpgsede_20100516_1329777541.jpgsede_20100516_1858185567.jpgsede_20100516_1411932968.jpgsede_20100516_1668120758.jpgsede_20100516_1292824521.jpgsede_20100516_1618606304.jpgsede_20100516_1713574286.jpgsede_20100516_1632887189.jpg2.jpg

Visitas

5605360

2022-08-09 06:29

Temos 225 visitantes e 0 membros em linha